Sábado , 20 Outubro 2018
Home / Geral / Conheça o colégio do Santo Eugênio; Paredes caindo, banheiro alagado. O quadro da falência da educação em um município.

Conheça o colégio do Santo Eugênio; Paredes caindo, banheiro alagado. O quadro da falência da educação em um município.

Mesmo apesar dos recursos do FUNDEB, recursos destinados pelo ministério da educação para a manutenção do ensino fundamental e médio, o que temos visto é um descaso com a educação em muitos municípios da nossa região.

Campo Alegre do Fidalgo tem se destacado na educação; décimo terceiro pago a alguns e outros servidores não. Escolas sem aulas devido as estradas, alunos sendo dispensados com retorno talvez somente após a semana santa.

Nossa reportagem esteve na localidade Santo Eugênio, município do citado acima Campo Alegre do Fidalgo. Um absurdo; paredes caindo, banheiros alagados, sem portas e interditados, crianças, segundo uma fonte, fazendo necessidades atrás do colégio. As imagens da sala de aula nos lembra uma cadeia pública em algum lugar perdido nesse país, aliás o colégio esta pior.

O colégio do Santo Eugênio, tem um total de 28 alunos, sendo uma escola multiseriado, as classes multisseriadas são uma forma de organização de ensino na qual o professor trabalha, na mesma sala de aula, com várias séries do Ensino Fundamental simultaneamente, tendo de atender a alunos com idades e níveis de conhecimento diferentes.

Bastante presentes na zona rural do País, as classes multisseriadas estão presentes em áreas de difícil acesso, já que algumas escolas têm um número pequeno de matrículas e a mudança para outras escolas nem sempre é possível, por conta da distância. da creche ao 4º ano, e fica a uma distancia de cerca de 30 quilômetros da sede.

O professor Reginaldo Silva é professor do colégio e vereador pelo município, o mesmo já cobrou diversas vezes na tribuna da Câmara providências do Poder Público e nada é feito.

O mais absurdo, segundo nossa fonte, é que agora para completar contrataram uma pessoa para vigiar se o professor libera as crianças. Porque não tem como as crianças usar banheiro, os meninos vão para a parte de trás e as meninas ficam sem poder fazer suas necessidades.

O poder público é exercido pelo prefeito Israel da Mata, tem secretario de educação, recebe verbas, dinheiro público e nada é feito.

Um prefeito perdido administrativamente e nada faz para mudar essa triste realidade.

Veja o vídeo.

 

Veja também

Barragem do Jenipapo em São João do Piauí está com 97,18% de sua capacidade com água.

A forte seca que assola o Piauí em 2018 já possui reflexos nos reservatórios de …